17/11/2014

Ideias excelentes para as nossas cidades

No dia oito de novembro fui visitar a MADE (mercado, arte e design), uma feira para divulgar talentos nacionais e internacionais do design, arquitetura, arte e artesanato. O evento foi no Jóquei Club de São Paulo.

Conheci tantos projetos legais, tantas coisas bonitas que seria impossível descrevê-los em um só post. Já que escrevi muito aqui sobre designers mundo afora, achei que seria legal fazer uma semana voltada à cena nacional.

Começo no dia de hoje, com duas instalações na parte externa do evento. A proposta dos dois projetos é promover a convivência da comunidade no espaço público, criando espaços onde as pessoas se sintam confortáveis para conversar, brincar e conhecer o próximo.

O Equipamento Extraordinário, do coletivo Basurama Brasil, é um playground feito de cordas e bobinas de madeira. Materiais que antes seriam descartados, são reaproveitados e se tornam um lugar para ler, descansar, interagir e brincar.


playground reciclado

playground reciclado

O Erê-Lab, do designer Roni Hirsch, é voltado para as crianças. Em uma longa viagem de pesquisa pela Europa, Roni percebeu a importância de criar um mobiliário adequado para as praças e parques, já que faltam espaços de convívência nesses locais.


casa na arvore

A casa na árvore, sonho de tantas crianças, foi feita com madeira certificada, de áreas de manejo e reflorestamento. Ela tem uma parede de cobogó e brises, que permite que a criança brinque com sua estrutura.


casa na arvore

O labirinto, de placas modulares de madeira, possibilita a criação de diversas formas como torres, túneis e casas, entre outras. 


labirinto de madeira

Nada melhor do que reaproveitar borracha de pneu velho para criar a versão urbana das pedras. O movimento de andar ou pular nas pedras estimula a coordenação motora, o equilíbrio e a confiança da criança.


pedras de borracha

Não seria ótimo ver praças vazias e desocupadas serem revitalizadas com esses projetos?

PS: as fotos do Erê-Lab são da Estefi Machado.